Por onde começar?

Publicado em: 30/08/2016 14:34

Última revisão em: 27/10/2016 09:06

 

Cidadania não é um assunto tão simples, mas também não é um dragão de 10 cabeças, basta ter calma e pesquisar bastante. E para ajudar nesta tarefa, segue abaixo um passo a passo para quem está iniciando o processo. VAMOS LÁ...

 

 

1. DESCUBRA QUEM É O ITALIANO: quem é italiano(a) que nasceu na Itália e emigrou ao Brasil. Dica: procure primeiro por esta informação junto aos familiares mais velhos, com certeza ouvirá histórias maravilhosas. Lembre-se: qualquer informação é valiosa neste momento. 2. DOCUMENTOS BRASILEIROS: caso nenhum familiar tenha pistas ou informações que possam te ajudar, procure pelos documentos do Brasil. Identifique qual lado da família que te transmite a Cidadania (lado de pai ou de mãe) e depois siga o esquema abaixo de trás pra frente, ou seja, comece por você: Trisavô – 4 documentos = Nascimento, Casamento, Óbito e CNN; Bisavô – 3 documentos = Nascimento, Casamento e Óbito; Avô – 2 documentos = Nascimento e Casamento; Pai – 2 documentos = Nascimento e Casamento; Eu – 1 documento = Nascimento. IMPORTANTE: quando solicitar aos cartórios os documentos peça-os em Inteiro Teor (que é a reprodução completa do que consta nos Livros de Registros dos cartórios). Muitas vezes, conseguimos encontrar ao menos a Província Italiana em que o italiano(a) nasceu e podemos estimar o ano de seu nascimento.

 

3. CERTIDÃO DE NASCIMENTO DO ITALIANO(A) NA ITÁLIA: para solicitar este documento na Itália você precisar saber os seguintes dados: Nome do italiano(a) que emigrou ao Brasil, nome dos pais dele(a), data ou ano de nascimento e saber qual o comune de nascimento. Dica: acesse o site do Memorial do Imigrante e faça uma busca lá, você pode encontrar o desembarque do italiano(a). Outra dica: caso o italiano(a) tenha casado no Brasil e você tenha encontrado a certidão de casamento, solicite ao cartório a Habilitação de Casamento (trata-se da cópia de todos os documentos que foram apresentados pelos noivos no ato para poderem se casar). Com sorte você encontrará o local do nascimento que procura. Só depois de esgotar todas as possibilidades, caso não encontre as informações necessárias, contrate um pesquisador. 4. CNN – Certidão Negativa de Naturalização: após descobrir quem é o italiano(a) e, em posse, da certidão de nascimento vinda da Itália é que você poderá emitir, online, a CNN (certidão que indica que o italiano(a) não se naturalizou brasileiro). IMPORTANTE: quando for preencher a CNN, você deve incluir todas as variações do nome e sobrenome do italiano(a) que emigrou ao Brasil, tanto as que constam na certidão italiana quanto as que constam nas certidões brasileiras. O contrário de CNN é CPN (certidão positiva de naturalização, ou seja, houve naturalização do italino(a)).